21 798 6781 Marcações
Selantes nos Dentes
03 janeiro 2022 Tratamentos Dentários

Os selantes nos dentes são uma técnica simples que ajuda a combater e a prevenir o aparecimento de cáries precoces.

São maioritariamente utilizados em crianças apartir dos seis anos. Isto acontece porque os selantes nos dentes funcionam melhor quando aplicados logo após a sua erupção e, por norma o primeiro molar definitivo erupciona por volta dos 6 anos.

Contudo, esta técnica pode também ser aplicada em adolescentes ou mesmo em adultos, mediante a recomendação do seu médico dentista.

Os selantes nos dentes são aplicados na superfície do dente que mastiga-face oclusal.

Esta face tem uma anatomia dentária complexa com fissuras, sulcos e depressões que favorecem a retenção de restos alimentares, e levam à proliferação bacteriana nestas zonas.

Continue a ler e fique a conhecer como funciona o procedimento para a colocação de selantes nos dentes, bem como outras questões importantes, tais como em quais devem ser aplicados ou qual o seu tempo de duração.

 

O que são selantes nos dentes?

Os selantes nos dentes são uma  resina fluida que preenche os ‘sulcos’ ou as fissuras mais profundas da superfície oclusais dos dentes.

Se observar os seus próprios dentes em casa, em frente ao espelho, vai reparar que há uns quantos que apresentam profundidades. Estes são os molares e os pré-molares e são aqueles que mais utiliza quando mastiga.

Os selantes nos dentes são uma medida preventiva muito importante.

A sua função é, precisamente, preencherem estas profundidades, de modo a que os alimentos ou as bactérias não sejam capazes de se acumular nesses espaços. Por isso mesmo, são uma grande ajuda na prevenção contra o aparecimento das cáries.

Embora maioritariamente utilizada em crianças, a técnica pode também ser aplicada em adultos. Os selantes nos dentes apresentam uma cor natural – branca ou transparente – o que os torna praticamente invisíveis.

Além disso, a sua colocação é um procedimento bastante rápido e indolor.

Colocação de selantes nos dentes

A colocação de selantes nos dentes tem lugar numa única sessão e não oferece um grande mistério. Tudo é feito em quatro passos:

Em primeiro lugar, os dentes são limpos pelo médico dentista, de modo a garantir que toda a placa bacteriana é removida.

Em seguida, nos locais onde vão ser colocados, é utilizada uma solução especial que vai fazer com que essa superfície se torne mais áspera. Deste modo, vão aderir melhor à superfície dentária.

Depois, os selantes nos dentes são aplicados, recorrendo também a um aparelho de luz especial que os endurece em menos de um minuto.

O último passo aborda a questão estética, com o médico dentista a avaliar se os selantes nos dentes se apresentam com boas dimensões. No caso de ser necessário, há espaço para uma afinação.

Depois de colocar os selantes nos dentes, assim que sair do consultório está tudo pronto para mastigar e apreciar uma boa refeição!

 

Em que dentes são aplicados os selantes?

Os selantes nos dentes são aplicados nos pré-molares e nos molares.

 

Quando é que os selantes devem ser aplicados?

Quanto mais cedo forem aplicados os selantes nos dentes, melhor será a sua capacidade para os proteger.

Assim, a altura ideal para a sua aplicação é pouco depois destes erupcionarem. Normalmente, isso acontece entre os 5 e os 8 anos de idade e depois novamente entre os 11 e os 14.

Uma consulta de avaliação com o seu médico dentista vai ditar exatamente o momento mais propício para a aplicação de selantes nos dentes.

Quanto tempo dura um selante dentário?

O selante dentário é um procedimento que remonta aos anos ‘70. São vários os estudos que comprovam a sua eficácia e durabilidade. 

Os selantes nos dentes podem durar vários anos. No entanto, importa sublinhar que esta durabilidade vai sempre depender do próprio paciente e da sua alimentação, bem como de um acompanhamento regular por parte do médico dentista.

Mesmo que se quebrem, a substituição dos selantes nos dentes é também possível.

Isso é aliás, o mais recomendável, na medida em que eventuais fissuras podem esconder ainda melhor a placa bacteriana que ali se vai acumulando e dá origem às cáries.

Por último, é também sempre importante relembrarmos que os selantes nos dentes devem ser vistos como uma medida complementar e de prevenção, recomendada por um especialista.

Deve sempre evitar os comportamentos de risco, mantendo uma dieta equilibrada e saudável; manter uma higiene oral cuidada; e consultar o seu médico dentista de forma regular.

Marcar consultas de especialidade é muito fácil

Preencha o nosso formulário e receberá a confirmação da consulta no seu email

marcações online