Tratamentos Dentários
21 798 6781 Marcações

A cirurgia oral é associada apenas à extração de dentes mas é muito mais do que isso, ocupa-se do diagnóstico e tratamento de lesões/patologias da cavidade oral. A cirurgia oral abrange inúmeros procedimentos como extração de dentes com cáries extensas ou fraturas, extração de dentes do siso, enxerto ósseo ou gengival, remoção de quistos entre outros.

Se está a ler esta página é porque pode precisar de uma extração daquele dente do siso incluso que anda a adiar há anos ou porque decidiu que agora é que vai tirar aquela raíz que já nem se lembrava. A medicina dentária evoluiu muito ultimamente e com ela também a cirurgia oral

É das especialidades que mais preocupa os pacientes e mais ansiedade suscita no entanto tem sido uma área com grande desenvolvimento técnico de modo a que os procedimentos sejam menos invasivos.

Extração de dente

A extração de dentes é dos procedimentos mais frequentemente realizados na consulta de medicina dentária, apesar de atualmente se tentar evitar ao máximo "arrancar um dente" existem situações em que é aconselhado.

A extração de dentes é aconselhada quando um dente tem uma cárie dentária extensa que impede a restauração do dente, fraturas, processo infecioso associado ao dente com grande destruição óssea adjacente, traumatismo dentário, doença periodontal avançada (dente com mobilidade e perda de suporte), dente mal posicionado, em caso de necrose que não pode ser desvitalizado e, previamente à colocação de aparelho ou de uma prótese.

Ainda está muito presente a ideia de que arrancar um dente é um procedimento doloroso. Contudo, a extração de dentes é sempre realizada com administração de anestesia local e com medicação pós-cirúrgica, para que se torne um processo o menos doloroso possível.

 

Extração do dente do siso

Para além da extração de dentes, uma situação bastante comum nas consultas de cirurgia oral: a extração do dente do siso erupcionado ( visível na cavidade oral )  ou semi-incluso e a extração do dente do siso incluso. Afinal o que é um dente incluso? Porque é que acontece?

Um dente incluso é um dente que não conseguiu erupcionar na arcada (romper a gengiva, ficar visível e na sua posição ) e, também pode ser designado impactado. A impactação do dente ocorre porque a sua erupção é dificultada pela posição dos dentes vizinhos, por um osso circundante muito denso, falta de espaço na arcada  ou por excesso de gengiva. Não são apenas os sisos que ficam inclusos, também acontece com os caninos ou pré-molares.

Quando não há espaço para a correta erupção do dente do siso, podem surgir complicações como a inflamação contínua da gengiva nessa região, alterações de sensibilidade, mal posicionamento do dente, quistos e aumento do risco de cárie nesse dente e nos dentes adjacentes devido à dificuldade da escova de dentes aceder a esta zona levando a uma higiene insuficiente. Nesta situação, o dente do siso está indicado para extração. 

A indicação para extração do dente do siso incluso ou semi-incluso pode também surgir do médico ortodontista, para não prejudicarem os dentes adjacentes e ser possível obter a harmonia nas arcadas dentárias.

Enxerto ósseo

Por vezes os pacientes que têm ausência muito prolongada de dentes numa determinada região, realizaram uma extração de dentes traumática ou sofreram de lesões infeciosas extensas, podem sofrer de perda óssea severa. A falta de osso é um dos principais impedimentos à colocação de implantes. De modo a conseguir reabilitar essa região, é necessário aumentar a espessura e altura óssea para posteriormente colocar implantes dentários nessa zona.

Na medicina dentária, as áreas da implantologia e da cirurgia oral complementam-se,assim sendo quando um paciente pretende colocar implantes dentários, mas não possui osso suficiente pelas razões acima referidas ou outras, há um procedimento cirúrgico muitas vezes realizado: o enxerto ósseo.

 

Tipos de enxerto ósseo mais utilizados

  • Enxerto ósseo com osso autógeno: consiste na utilização do material ósseo do próprio paciente removido da parte mais posterior do maxilar;
  • Enxerto ósseo com biomateriais sintéticos: geralmente é constituído por componentes como a hidroxiapatite e fosfato tricálcico.

Estes tipos de enxerto ósseo são usados separadamente. Porém, são técnicas que, quando aplicadas em simultâneo, aumentam a eficácia do processo. 

Cirurgia Oral

Enxerto gengival

Em cirurgia oral, também surgem situações que requerem a realização de enxerto gengival, como em casos de necessidades estéticas, hipersensibilidade radicular, tratamento de lesões de cárie dentária na raíz e abrasão radicular.

Os dois principais factores para “subida da gengiva” - retração gengival-, são a escovagem agressiva que leva a um trauma do tecido gengival e a inflamação da gengiva provocada pela acumulação de placa bacteriana. Podem surgir defeitos gengivais na sequência do tratamento ortodontico e que devem ser corrigidos após a conclusão do tratamento.

O enxerto gengival requer excisão de gengiva geralmente da área da mucosa mastigatória do palato. 

 

Remoção de quistos

Um quisto é geralmente definido como uma cavidade formada por epitélio (revestimento do quisto) com conteúdo líquido, por norma não apresenta sintomas e costuma ser identificado através de radiografias de rotina. Podem localizar-se em qualquer parte dos maxilares e estar ou não relacionados com as raízes dos dentes.

Consoante a sua origem os quistos podem ser odontogénicos ou fissurados, sendo esta classificação pouco relevante para o tratamento a escolher. Sabemos que ainda não foi determinado o estímulo que leva à proliferação das células mas apenas que a inflamação é um factor desencadeante para o aparecimento de quistos nos dentes ou raízes infectadas.

A origem dos quistos pode estar relacionada com fatores genéticos, dentes impactados (que não erupcionam totalmente), com infeções, dentes inclusos. 

A cirurgia oral através da utilização de diferentes técnicas cirúrgicas ocupa se também da remoção de quistos dentários. O tratamento dos quistos consiste na sua remoção e envio posterior para análise histológica em laboratório.

Cirurgia Oral

Infeções Orais

As infeções orais em medicina dentária são geralmente de baixa gravidade, causadas por bactérias, fungos e vírus e, são maioritariamente solucionadas com recurso a antioticoterapia, que pode ser conjugada com cirurgia. 

A maioria das infeções odontogénicas respondem rapidamente ao tratamento com antibiótico e pequena cirurgia mas, em certos casos podem necessitar de tratamento em meio hospitalar.
 

Cuidados pós cirúrgicos

É muito importante o paciente saber que após uma cirurgia oral é expectável edema, desconforto, dor ligeira /moderada, ligeira perda de sangue assim como é fulcral o paciente seguir as recomendações pós cirúrgicas indicadas pelo seu médico.

As recomendações pós cirúrgicas abaixo descritas são guidelines gerais, deve sempre seguir as indicações do seu médico:

  • Manter os cuidados de higiene oral evitando escovar na zona intervencionada;
  • Após a escovagem não bochechar para remover os restos de pasta de dentes mas sim passar por água e cuspir devagar;
  • Evitar bochechos durante 48h;
  • Descansar e dormir com a cabeça mais elevada (usar 2 almofadas, por ex.) e deitar-se sobre o lado não intervencionado;
  • Aplicar gelo nas primeiras 24h;
  • Alimentação mais pastosa/líquida e pouco quente;
  • Seguir a medicação aconselhada pelo médico;
  • Evitar fumar nos primeiros dias;
  • Diminuir a práctica de exercício físico.

 

Preço Cirurgia Oral

Os preços aplicados na consulta de cirurgia oral variam conforme as diferentes condicionantes existentes e os procedimentos cirúrgicos que serão necessários.

Bibliografia

“Cirurgia oral e Maxilo Facial Contemporânea “ - Peterson, Ellis, Hupp, Tucker. Editora  Elsevier

“Tratado de Peridontia Clínica e Implantologia oRal “ Lindhe, J., Karring, T., Lang, P.. Editora Guanabara/Koogan.

Especialistas em Implantes e Aparelhos Dentários

O seu especialista em Implantes e aparelhos dentários. Somos uma clínica dentária em Lisboa que disponibiliza os melhores tratamentos de medicina dentária.

Implante Dentário
Implante Dentário

O implante dentário substitui os dentes perdidos sem necessidade de usar próteses incómodas e inestéticas.

saber mais
Aparelhos Dentários
Aparelhos Dentários

A ortodontia corrige dentes mal posicionados, espaços entre os dentes, oclusão dentária, melhorando a mastigação e favorecendo uma boa higiene oral.

saber mais
Próteses Dentárias
Próteses Dentárias

As próteses dentárias são das soluções mais procuradas na medicina dentária para os pacientes com falta de dentes e para melhorar a estética do seu sorriso, em geral.

saber mais
Invisalign
Invisalign

Invisalign é uma autêntica revolução na medicina dentária. É um aparelho invisível que alinha os dentes tortos, sem comprometer a estética e o conforto.

saber mais
Higiene Oral
Higiene Oral

A higiene oral é uma especialidade da medicina dentária com um papel fundamental no diagnóstico e prevenção de doenças dentárias.

saber mais
Odontopediatria
Odontopediatria

A odontopediatria engloba o diagnóstico, tratamento e a higiene oral das crianças, adolescentes e pacientes com necessidades especiais.

saber mais
Dentisteria
Dentisteria

A dentisteria é mais do que a especialidade da medicina dentária que trata as famosas cáries dentárias ou as manchas pretas nos dentes.

saber mais
Branqueamento Dentário
Branqueamento Dentário

O branqueamento dentário torna os seus dentes mais brancos, de forma indolor e relativamente rápida.

saber mais
Oclusão
Oclusão

A oclusão dentária corresponde à relação entre os dentes do maxilar superior e do maxilar inferior. É uma das áreas mais complexas da medicina dentária.

saber mais
Endodontia
Endodontia

A endodontia é a especialidade da medicina dentária focada nas patologias da polpa dentária, designada por nervo do dente. É fundamental para a manutenção e recuperação dos seus dentes.

saber mais
Periodontologia
Periodontologia

Periodontologia é a área da medicina dentária dedicada ao diagnóstico e tratamento de doenças nos tecidos de suporte dos dentes: gengivas, ligamento periodontal e osso alveoloar.

saber mais

Acordos e Parcerias

Dentista Lisboa - Marque a Sua Consulta!

Preencha o formulário e receba a confirmação da consulta no seu email

Marcar Consulta